Como montar um cronograma de estudos perfeito

Olá, querido aluno, tudo bem?

Se você vai fazer o Enem ou qualquer outro vestibular, é bastante importante que você organize seu tempo para tirar mais proveito dos estudos. Por exemplo, é preciso que você saiba se vai precisar abrir mão de outras atividades e quantas horas vai precisar para cada disciplina.

E, para isso, uma das melhores ferramentas é o cronograma de estudos. Seja em uma folha de papel, no celular ou no computador, criar um planejamento em forma de cronograma ajuda na visualização do seu tempo e, assim, permite que você se organize, tornando seu estudo mais eficiente.

Por isso, neste post vou listar algumas recomendações para você montar um cronograma de estudos perfeito. Então acompanhe!

Como montar um cronograma de estudos perfeito

1. Defina e registre o seu objetivo de estudo

Em primeiro lugar, você precisa deixar bem claro para você mesmo qual é o seu objetivo com os estudos e deixar isso registrado, de preferência em algum local que você veja constantemente. Por exemplo, acima do seu cronograma de estudos, você pode anotar o seu objetivo, que pode ser: “Ser aprovado em xxx no dia xxx de xxx de 2020 com xxx pontos”.

2. Calcule e anote seus horários em uma planilha

O próximo passo é calcular quanto tempo você tem disponível para estudar. O ideal é criar em uma planilha uma espécie de calendário, onde você anotará todas as atividades que realiza atualmente. Não coloque ainda o tempo de estudos.

Agora é o momento em que você vai calcular quanto tempo tem livre e, a partir daí, transformar esse tempo em tempo de estudos. Depois que você calcular todo o tempo livre que tem, diferencie o tempo em que vai estudar e o que vai deixar livre para outras atividades:

Depois que fizer esse cálculo em nível semanal, aplique em nível mensal também, pois assim você conseguirá calcular o ciclo de estudos de cada disciplina.

3. Divida o tempo dos estudos

Existem várias maneiras de organizar o tempo para os estudos, mas uma boa sugestão é seguir os 4 momentos citados abaixo ao longo do ano:

  • Momento 1 (primeiros trimestre do ano): 60% do seu tempo livre para estudos e 40% para ócio criativo (descanso de qualidade);
  • Momento 2 (segundo trimestre do ano): 70% do seu tempo livre para estudos e 30% para ócio criativo;
  • Momento 3 (até duas semanas antes das provas): 70% do seu tempo livre para estudos e 30% para ócio criativo;
  • Momento 4 (duas semanas antes das provas): redução gradativa da carga de estudos até ficar 50% do tempo livre para estudos e 50% para ócio criativo.

4. Não desperdice aqueles minutos “mortos”

É claro que é importante reservar algumas horas diárias para estudar de forma mais fluida, mas, quando você tiver aqueles minutinhos sobrando, eles também podem servir para estudar. Podem ser 10, 15 ou mesmo 5 minutos, eles também podem ser usados a seu favor. E, se você perceber que esses minutos “mortos” fazem parte da sua rotina, acrescente-os ao cronograma de estudos.

Por exemplo:

  • Aqueles 30 minutos depois do almoço antes de ir para a academia;
  • Aqueles 20 minutos no carro ou no ônibus que você leva para ir de casa ao colégio e vice versa.

5. Não se esqueça do descanso

Mesmo tendo que criar uma rotina intensa de estudos, é preciso sim ter alguns momentos de descanso e lazer. Esses momentos são essenciais para que você chegue com disposição e saúde para as provas. 

Outra questão importante é ter horas suficientes de sono. Dormir é fundamental para relaxar o organismo, mas também ajuda no processo de aprendizado, e quem deixa de dormir para estudar acaba tendo sua capacidade de concentração diminuída.

Assim, quando você concluir as suas horas de estudo diárias, vá relaxar e se divertir: jogue videogame, veja filmes, leia, fale com os amigos. Fazer coisas que deixam você feliz e ter contato com pessoas que gosta vai deixar você mais tranquilo e energizado para estudar.

Além disso, ter esses momentos incluídos no cronograma de estudos evita que você acabe se distraindo e se desorganizando por possíveis programas de lazer que tenham surgido sem que você tenha planejado.

 

6. Escolha horários de estudo em que você se sentir produtivo

Quando for criar o seu cronograma de estudos, escolha os horários em que vai estudar de acordo com o período do dia em que se sente mais produtivo. Por exemplo, se você prefere estudar no início da tarde, não deixe para o fim do dia; se, ao contrário, você prefere descansar depois do almoço e começar a estudar no meio da tarde, planeje seus estudos assim.

Assim, você tornará seu processo mais produtivo e corre menos riscos de atrasar o cronograma.

Espero que essas dicas tenham ajudado você a montar um cronograma de estudos perfeito! E se você quiser uma ajuda extra para complementar suas aulas, Entre AGORA no melhor e mais completo curso de química para vestibular e Enem do Brasil!

Durante anos, eu vi muitos alunos se esforçarem e estudarem horas e horas a fio, mas quando chegava a hora de fazer a prova, não lembravam os assuntos que realmente importavam e tiravam notas baixíssimas, perdendo o ano e principalmente destruindo a auto confiança para novas tentativas e foi aí que eu decidi criar a minha Plataforma de Química. 

Nela, você encontra + de 120 aulas gravadas, + de 20 aulas de resoluções dos principais testes de vestibulares e ENEM, + de 20 aulas de aprofundamento dos vestibulares mais concorridos (Medicina e Engenharias). Além de planos de ensino completo focado em reforço escolar exclusivo para o Ensino Médio, ENEM e os principais vestibulares do PR e de SC.

Tem dúvidas sobre a minha metodologia? Acesse agora um módulo gratuitamente da minha plataforma e conheça um pouco do meu curso de Química. Clique aqui para solicitar o acesso gratuito. 🙂


CONTINUE ESTUDANDO

👉 Estequiometria Básica: o que você não pode deixar de saber
👉 Ácidos: Funções Inorgânicas

👉 10 dicas para estudar Química para o vestibular e o Enem

Me acompanhe nas redes sociais: curta a minha página no Facebook, me siga no Instagram, e se inscreva no Youtube 🙂

Compartilhar:
Tk Santos

Tk Santos

Sócia e CMO na Agência Betminds, formada em Publicidade e Propaganda, Pós-Graduada em Cinema, com mais de 6 anos de experiência em Marketing e Produção de Conteúdo Digital.

Deixe uma resposta