10 dicas para estudar Química para o vestibular e o Enem

Oi, pessoal, tudo certo?

A Química é uma das disciplinas mais temidas no Enem e outros vestibulares. E, embora haja alguns conteúdos que sejam mais complexos, estudar e preparar-se para as provas é o mais importante para garantir seu sucesso e aumentar suas chances de aprovação.

Por isso, resolvi escrever este post para dar aquela ajuda para quem precisa se organizar para estudar Química para o vestibular e o Enem. Listei 10 dicas bem práticas para você já começar a planejar o seu calendário de estudos. Preparados? Então vamos lá!

10 dicas para estudar Química para o vestibular e o Enem

1. Comece pelo que é mais simples

Em vez de começar pelo que você tem mais dificuldade, inicie seus estudos com aquilo que é mais básico. Afinal, antes de estudar aspectos mais complexos da Química, é preciso estar bem afiado nos conteúdos elementares, como a constituição dos elementos químicos, as definições de substância e mistura, as grandezas e os símbolos.

Também é fundamental entender o que é fenômeno químico, funções orgânicas e inorgânicas, processos de separação de misturas e as propriedades físicas e químicas das substâncias, entre outros.

2. Compreenda os gráficos

Gráficos são muito frequentes nos vestibulares e no Enem. Assim, para estudar de maneira eficaz, é necessário perder o medo deles, compreendê-los e interpretá-los de forma correta. Quando você passar a considerá-los como uma ferramenta para ajudar na resolução dos problemas, e não como um obstáculo, seu processo de aprendizado e estudo ficará bem mais simples.

Aliás, um modo bastante eficiente para compreender as reações e observar a curva dos gráficos de forma individual e entender o que está ocorrendo ali. Somente após discernir cada curva você deve passar para o conjunto. Analisar por partes é mais simples para encontrar a resposta certa.

3. Veja aulas no YouTube

No seu plano de estudos, reserve alguns momentos para ver aulas no YouTube. Na plataforma, há muitos canais e vídeos voltados para Química, alguns específicos para o Enem e vestibulares.

Às vezes, é mais fácil compreender conceitos, entender como as reações ocorrem e responder a uma dúvida com os vídeos. Além disso, também é mais simples ver como aplicar as fórmulas e realizar os cálculos de maneira correta.

4. Identifique em quais assuntos você tem mais dificuldade 

É normal ter mais dificuldade em alguns assuntos do que em outros, mas você não pode estudar só aquilo que acha mais fácil. Muito pelo contrário: em geral, é preciso reforçar especialmente aquilo em que você ainda não tem muita segurança.

Assim, vá registrando tudo aquilo em que você tem dúvidas e, depois, coloque esses temas em destaque no seu plano de estudos. Dessa maneira, você fortalece o que ainda precisa de reforço, e aumenta suas chances de acertar nas provas.

5. Estude as estruturas

É essencial entender as fórmulas estruturais na Química Orgânica. Por isso, fique atento aos enunciados do Enem e dos vestibulares, porque eles costumam usar a fórmula estrutural bastão. Nesta representação, os carbonos e hidrogênios não aparecem de maneira explícita. O ideal é você desmembrar essas fórmulas quando se deparar com elas em alguma questão.

6. Estude Química Ambiental

Química Ambiental é um conteúdo que tem aparecido bastante no Enem e outros vestibulares, e é um assunto que se relaciona também às provas e Biologia e Física. Muitas vezes, o Enem usa recursos da revista Química Nova na Escola, então acesse alguns artigos sobre Química Ambiental por lá. Entre os temas mais cobrados estão os ciclos do carbono e do nitrogênio e o efeito estufa.

7. Relacione o estudo da Química aos fenômenos cotidianos

Como você sabe, fenômenos químicos acontecem a todo instante ao nosso redor: na cozinha, no motor do carro, na natureza etc. Assim, uma boa ideia é olhar para esses processos com esse “olhar químico”, tentando observar como esse campo do conhecimento ocorre na prática.

Ao perceber esses detalhes, além de se aproximar da matéria e percebê-la de modo mais interessante, você se prepara melhor para os exames. Afinal, não esqueça que o Enem, por exemplo, adora usar questões contextualizadas com o dia a dia, então é provável que a prova cobre que você faça uma análise de algum fenômeno que acontece naturalmente.

Além disso, como eu disse, há muitas questões interdisciplinares, principalmente relacionadas a Biologia e Física, já que há processos que são simultaneamente químicos, físicos e biológicos.

8. Crie mapas conceituais

Uma ótima maneira de resumir os conteúdos a serem estudados é usando mapas conceituais. Selecione os assuntos que você mais precisa revisar e crie um esquema que estabeleça relações entre os conceitos e suas aplicações.

Exemplo de mapa conceitual:

Modelo de mapa conceitual:

9. Crie resumos

Quando lemos um conteúdo, é bem mais difícil guardar todas as informações sobre ele. Mas, quando tornamos o estudo mais ativo, contribuímos para a fixação dessa matéria. E um dos melhores jeitos de fazer isso é criando resumos.

Eles são uma ótima opção para absorver melhor a disciplina. Isso porque, quando estamos fazendo o resumo, nos forçamos a lembrar de detalhes e dados, e o conteúdo é mais bem assimilado por nós, ajudando na aprendizagem.

Além disso, resumos são muito bons na hora de revisar os assuntos, pois concentram as informações mais importantes. Utilize-os junto com os mapas conceituais para aproveitar ainda melhor esses recursos.

10. Faça simulados

Uma das melhores maneiras de estudar é fazer simulados, tanto com questões retiradas de provas passadas quanto questões inéditas. Você pode encontrar esses simulados em vários sites por aí, basta fazer uma busca no Google. Entretanto, no caso de simulados com questões inéditas, procure por aqueles que tenham conteúdo alinhado com o Enem ou o vestibular que você vai prestar.

Espero que estas dicas tenham sido úteis para auxiliar você no seu processo de estudos! E se você quiser uma ajuda extra para complementar suas aulas, Entre AGORA no melhor e mais completo curso de química para vestibular e Enem do Brasil!

Durante anos, eu vi muitos alunos se esforçarem e estudarem horas e horas a fio, mas quando chegava a hora de fazer a prova, não lembravam os assuntos que realmente importavam e tiravam notas baixíssimas, perdendo o ano e principalmente destruindo a auto confiança para novas tentativas e foi aí que eu decidi criar a minha Plataforma de Química. 

Nela, você encontra + de 120 aulas gravadas, + de 20 aulas de resoluções dos principais testes de vestibulares e ENEM, + de 20 aulas de aprofundamento dos vestibulares mais concorridos (Medicina e Engenharias). Além de planos de ensino completo focado em reforço escolar exclusivo para o Ensino Médio, ENEM e os principais vestibulares do PR e de SC.

Tem dúvidas sobre a minha metodologia? Acesse agora um módulo gratuitamente da minha plataforma e conheça um pouco do meu curso de Química. Clique aqui para solicitar o acesso gratuito. 🙂


CONTINUE ESTUDANDO

👉 Como montar um cronograma de estudos perfeito
👉 Estequiometria Básica: o que você não pode deixar de saber
👉 Ácidos: Funções Inorgânicas

Me acompanhe nas redes sociais: curta a minha página no Facebook, me siga no Instagram, e se inscreva no Youtube 🙂

 

Compartilhar:
Tk Santos

Tk Santos

Sócia e CMO na Agência Betminds, formada em Publicidade e Propaganda, Pós-Graduada em Cinema, com mais de 6 anos de experiência em Marketing e Produção de Conteúdo Digital.

Deixe uma resposta